Quem tem medo da terapia?

Atualizado: Jan 16

Por vezes ouvimos dizer que terapia é perda de tempo ou apenas para quem tem problemas. Vários pacientes trazem esse estigma consigo e é preciso esclarecer algumas coisas:


Existem vários tipos de terapia, desde as mais convencionais até as integrativas/complementares. Todas são válidas e algumas pessoas se identificam mais com um tipo do que outro.


Não vai pra terapia quem está mal ou com problemas, afinal de contas, problemas todos temos.

Além disso todo problema que começa com "eu" é nosso, todo nosso, e os amigos podem até aconselhar, entretanto não é o mesmo que analisar essas questões de um ponto de vista imparcial, com outra perspectiva e focando na sua evolução pessoal.


Inteligência emocional não é ensinada nas escolas e geralmente nossos pais não conseguiram nos dar um apoio muito bom nessa parte. A terapia nos leva a esse amadurecimento que nos fortalece emocionalmente.

Bons motivos para buscar a terapia: desejo de se empoderar, se conhecer melhor, ser mais seguro de si, detectar autosabotagens, ter mais qualidade de vida, mais paz mental, lidar com os problemas de todo tipo de forma mais madura e racional, construir relacionamentos mais saudáveis, ter mais autoestima, mais controle emocional, mais leveza na vida, e por aí vai.


Não precisa ter medo da terapia. Durante o processo é preciso paciência e abertura, às vezes precisamos dar um passinho para trás para depois dar dois para frente e está tudo bem. Tem dias que você vai achar que não tem muito o que dizer e tem dias que vai se perguntar porque não começou antes.

De qualquer forma uma coisa é certa, depois de começar a terapia você não será mais a mesma pessoa, mas sim uma versão aprimorada de si mesmo.





Vamos dar um chega pra lá no preconceito, terapia é investimento em evolução pessoal e qualidade de vida, e se todos fizessem o mundo seria um lugar muito melhor.

  • Facebook Social Icon
  • Instagram Social Icon
  • Spotify Social Icon